Pedro Oliveira


Tarcísio Pedreira

O ex-prefeito da cidade de Queimadas, Tarcisio de Oliveira Pedreira (PRB), candidato a vice-prefeito na chapa do médico André Luiz de Amorim Rodrigues (André de Edvaldo PSDB), foi multado no último dia 18, em R$ 25 mil, pela Justiça Eleitoral, apontado por realizar propaganda eleitoral antecipada no município.

Tarcisio que foi prefeito no período de 2013 a 2016, pelo partido PR, foi denunciado pelo diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores – PT, que tem como candidato a reeleição o prefeito André Andrade e na vice o empresário Cloudes Rios (PP).

Denúncia formulada pelo PT junto ao Ministério Público Estadual – MPE e a 106ª Zona Eleitoral de Queimadas, trata-se de realizar propaganda com pedido explícito de voto fora do momento oportuno conforme registro de vídeo.

“O que eu peço a vocês é o seguinte: Vamos acreditar, vamos votar em André de Edvaldo, vamos intensificar na campanha do 45, que tenho certeza que André não vai nos decepcionar. Queimadas vai dizer não ao PT e sim a você e sim ao 45”, relata Tarcisio em vídeo. 

No documento expedido pelo juiz substituto, Paulo Ramalho Pessoa de Andrade Campos Neto, ele absorve o candidato a prefeito da oposição, André de Edvaldo, por ter se mantido em silêncio, e não pediu explicitamente voto.

“Pelo exposto, acolhendo parcialmente o parecer do MPE, extingo o processo com resolução do mérido para julgar com arrimo no art. 36, §3º, da Lei das Eleições, e julgar improcedente a representação em relação ao prefeiturável André de Amorim Rodrigues”, escreveu o juiz na sentença.

 

Colunas anteriores
Ver mais notícias desta seção: mais recentes · mais antigas