Bahia / Nordeste

Mais de 100 pessoas são autuadas por descumprir toque de recolher

Praias também são fiscalizadas

Foto: SSP
Policiais fiscalizam o cumprimento do toque de recolher, na Bahia

A Bahia ultrapassou a marca de 100 pessoas autuadas por descumprimento do toque de recolher. Com mais quinze casos entre as 20h de sábado (27 de fevereiro) e as 5h deste domingo (28), a polícia contabiliza 116 flagranteados. 

Os últimos infratores foram detidos na capital baiana e nas cidades de Luís Eduardo Magalhães, Ipirá, Juazeiro, Cairu, Valença, Teixeira de Freitas e Ilhéus. Na Região Metropolitana de Salvador (RMS) não houve registro.

As quatro pessoas flagradas em Salvador e as 11 nos municípios do interior responderão aos artigos 268 (infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa) e 330 (desobedecer a ordem legal de funcionário público).

Nas praias

As coordenações estratégicas da Secretaria da Segurança Pública e do Corpo de Bombeiros Militar (CBM) acompanharam, na tarde deste sábado (27), o movimento em cinco praias da capital baiana. O subsecretário, Hélio Jorge Paixão, e o comandante-geral dos Bombeiros, coronel Adson Marchesini, participaram da ação preventiva.

As praias dos bairros de Rio Vermelho, Amaralina, Pituba, Jardim de Alah e Itapuã foram visitadas. Pessoas encontradas nestes locais foram orientadas sobre a proibição, através de decretos estadual e municipal. Aqueles que estavam sem máscaras, receberam um dos principais itens de proteção contra o novo coronavírus.

"Vamos seguir com a nossa missão, que tem como principal pilar salvar vidas. Antes das medidas judiciárias, procuramos orientar a população. Unidos conseguiremos superar esse momento difícil", declarou o subsecretário da SSP, Hélio Jorge Paixão.